sexta-feira, 20 de abril de 2007

Coisas Que Não Faria de Novo

Olá Papais e Mamães,

Tem diversas coisas que eu não faria de novo ou que faria diferente desde a gravidez até hoje.

- Dormiria mais antes dela nascer
- Conversaria mais com a minha filha na barriga
- Não compraria tantas coisas pro enxoval, muitas das quais nem usei
- Deixaria as malas da maternidade prontas com antecedência
- Me prepararia melhor para amamentação
- Não escutaria tantos conselhos de pessoas dizendo que era melhor desistir de amamentar
- Pediria ajuda especializada quando visse que não tava dando conta
- Compraria um carrinho mais prático para passear com ela
- Compraria um bebê conforto
- Descansaria mais enquanto ela estivesse dormindo
- Não iria correndo pro PS por qualquer coisa
- Procuraria a pediatra dela ao invés do PS do hospital
- Não me importaria tanto com os conselhos dos outros
- Teria feito um blog para ela assim que nasceu
- Não me estressaria tanto por tão pouco
- Não sentiria ciúmes dela, achando que vai gostar mais da vovó que da mamãe
- Incluiria mais o papai nas tarefas do bebê
- Não criticaria a maneira dele fazer as coisas
- Não sentiria culpa por voltar a trabalhar (tentaria)
- Não ficaria irritada quando ela perdesse o sono de madrugada
- Não insistiria tanto quando ela não quisesse comer
- Não compraria tantos sapatinhos para ela
- Não agasalharia tanto ela por qualquer ventinho
- Levaria mais ela para passear
- Acreditaria quando me disessem que o tempo passa rápido demais
- Aproveitaria mais meu tempo junto com ela

Enfim, tudo isso eu ainda faço e estou tentando não fazer, outras coisas estou tentando aperfeiçoar. O fato é que se eu soubesse disso tudo e acreditasse nessas coisas, teria aproveitado muito mais minha gravidez e os primeiros meses da minha filha em casa.

E vocês, tem alguma coisa que não fariam de novo? Gostaria muito de saber a opinião de vocês.

Beijos e até o próximo post.

5 comentários:

Dani Lopes disse...

Renata é incrível como ontem mesmo eu estava pensando em escrever no blog do gui sobre esse assunto, logo depois que conversamos sobre nos sentirmos ausentes.
Abraços e adorei o post!

CLaudia Medeiros disse...

Tudo normal querida. Com o primeiro filho podemos nos dar ao luxo de errar, com o segundo será que não? Bom, a única coisa que eu aprendi bem foi que deveria comprar menos coisas pro enxoval, de resto, acho que fiz todas as besteiras de novo. Beijos

De BH disse...

Rê, seu post arrasou!
Eu também faria algumas dessas coisas de maneira diferente:
-tb dormiria mais antes dela nascer
-tb conversaria mais com ela na barriga(conversei, mas conversaria mais) cantaria, colocaria músicas
- tb me prepararia mais para a amamentação
- agasalharia ela mais (as vezes acho q agasalho de menos)
- me preocuparia menos com o baixo peso dela qdo nasceu prematura e curtiria mais o fato dela ser tão pequeninha, pq eles crecem rápido
- teria insistido mais com a chupeta
- teria acostumado ela a dormir no berço? (pq não tenho coragem de aplicar o Nana Neném agora.)
Por outro lado é tão bom ela dormir no colo, cantar musiquinhas de ninar...

vanessa disse...

Não dá pra pensar muito mas, sem dúvida, tentaria dormir mais um pouco (e estou tentando) antes dele nascer...
De resto acho que tô repetindo tudinho.....

Ro Souza disse...

Nossa gente! um achado essas informaçoes! Tenho 36 anos e gravida de primeira viagem e p agravar sou filha unica de pai militar, entao sempre moramos longe da familia toda e eu nao convivi com nenhum nenen. P mim tudo é um misterio. Ate o nome das coisas: cueiro, mijao...fico sempre pensando no q realmente é necessario p evitar gastos e acumulo de bens.
Obrigada pelo blog!
Ro